29 março 2010

III Maratona do Sardoal

Pelo segundo ano consecutivo estive presente neste evento desportivo na Vila do Sardoal. 
Esta maratona foi organizada pelo grupo BTTSardoal, grupo este inserido na colectividade do Grupo Desportivo e Recreativo “ Os Lagartos” no Sardoal distrito de Santarém. 

Esta edição contou com cerca de quatrocentos e cinquenta participantes divididos por dois percursos: 35 e 65 quilómetros. Desta vez tive a companhia de quatro colegas e amigos SDT a participar,Pedro Guerra, João Marques, João Garcia e Carlos Bilro, bem como acompanhante a minha namorada, a mulher do Jorge, do J. Marques os filhos. 

A chegada já passavam das 8 horas, onde procedemos de imediato ao levantamento dos dorsais, de forma rápida e organizada com oferta de um ace tea, um lenço para cabeça, uma barra e um frasco energético, uma caneta, um cubo de marmelada e um chapéu para o acompanhante, nada mau para 12,5€ de inscrição. 

A concentração fora as 8h:45m ao pé da escola, onde fomos brindados com um bonito dia com temperatura amena para a pratica do BTT. 
Após percorremos alguns metros pelas ruas do Sardoal chegamos ao local da partida verdadeira/chegada. 

As nove e depois de um minuto de silencio em memória de um colega nosso que falecera no passado domingo numa prova de BTT, lá partimos para um percurso onde se adivinhava duro e com cerca de 900 metros de acumulado para os 35km onde eu participei... Cedo pode constatar essa verdade com muitas subidas iniciais pelos eucaliptais onde rodei sempre os primeiros 20 lugares. Quando se sobe muito também se desce e foi o que aconteceu, num piso bastante degradado por culpa das chuvadas, mas devidamente sinalizadas. 

Ao quilometro 18 surgido a mudança de direcção, segui para os 35km rapidamente me apercebi pelos poucos rodados no piso, que estava muito bem classificado. Entusiasmei sabendo eu que haveria troféus ate ao 10 lugar, só que mais a frente na passagem de um cruzamento de estrada de alcatrão ia deitando tudo a perder quando não me apercebi (talvez por não ter ouvido o pessoal da organização, por ir a ouvir musica) que tinha de virar á esquerda, acabando por segui em frente fazendo mais algumas dezenas de metros,  perdendo mais de 3 minutos até voltar novamente ao ponto onde me tinha engano. 

Retomei o percurso sempre em grande velocidade, já que aquela zona e tipo de  percurso era-me favoráveis a fim de tentar diminuir o meu engano. 
A cerca de 2 quilómetros para a chegada e com enorme esforço consegui recuperar mais duas posições antes de um single espectacular por uma zona bastante bonita ao lado de varias hortas e jardins (dai chamarem ao Sardoal a vila jardim). 
Os últimos metros foram novamente a subir por uma inclinada e duríssima rua histórica em paralelo ate á meta onde aumentei mais a distancia para os dois betetistas que anteriormente tinha passado. 

Um agradecimento especial "as minhas namoradas"
Todo o percurso esteve devidamente bem marcado/sinalizado com muito pessoal da organização sempre presente e onde eu me senti muito bem/forte fisicamente e para provar isso ficou o meu tempo de 1h:50m em 38 km na 6ª posição com um acumulado que rondou os 900m e mais de 270 participantes a concluírem os 36km de prova(ver classificação). 

No final da meia maratona há que dar destaque a excelente classificação dos meus companheiros SDT que concluírem a prova nos cinquenta primeiros lugares. 

Entrega do trofeu pelas mãos do José Tereso

Os banhos e o almoço foram na escola e estiveram igualmente de grande nível onde toda a comitiva SDT ficou bastante agradada com o porco no espeto e regado com muita imperial e convívio, ate a entrega de mais um troféu para mim, apesar de me ter sabido a pouco... 

Em resumo fica positivamente mais um excelente evento pela organização, simpatia e percurso. Para o ano lá estarei novamente :-)

Sem comentários: