06 maio 2012

V BTT da Liberdade


A serie quinzenal de participação em provas continua, desta vez e pela primeira vez nas duas horas de resistência na vila de Assumar na V BTT Liberdade. Desta vez o meu companheiro de equipa foi o Pedro Guerra que tem por hábito dar-me sempre sorte nos bons resultados.

A manha começou por volta das 7:20h, onde á porta de casa o apanhei e carregamos a bike. Apos a cafezada lá seguimos em direcção á vila do Assumar, com uma manha carregada de muitas nuvens que ameaçava chuva. Á chegada com vagar e calma fomos levantar os dorsais onde o pobre saco trazia apenas um bidon.

Fomos equipando onde a dúvida seria o uso ou não de impermeável, enquanto íamos recebendo os parabéns e trocando palavras de alguns participantes da passada prova do Estremozbike que nos organizamos.  

Á partida estava cerca de 80 participantes divididos pelas duas e quatro horas, eu e o meu companheiro ficaríamos pelas duas. A partida foi dada dentro da pontualidade onde no primeiro quilometro partindo a todo o gás fiquei nos cinco primeiros, desconhecendo qual a prova que os primeiros iriam participar. 

A primeira parte do percurso constituído por cerca de 3 quilometro percorridos em single track feitos pelo pessoal da organização e composto por pequenos e inclinados drops, curvas apertadas e passagens estreitas, sendo uma mais valia para mim, pois dá-me muita pica pedalar em singles com características muito técnicas os restantes quilómetros foram por um estradão, duas subidas mais longas.. Na segunda volta ainda ia avistando os três primeiros tento o quarto participante mesmo á minha frente, principalmente na zonas dos singles onde nos juntávamos, mas acabado por se distanciar nos estradões, assim sucessivamente ate final.
A manha acabou por sorrir com o sol, sendo uma mais-valia á enxuga na zona dos singles que ficou logo deste a primeira volta muito pisada e com muita valas feitas pelas rodas. Ate final das duas horas com um ritmo sempre muito elevado o meu lugar foi fictício bem como a distância para o companheiro da frente, nos singles ficávamos juntos e depois voltávamos a separar. Nas 02h:11m que pedalei terminei na 3º posição a menos de um minuto do segundo participante, atleta esse que quinze dias antes tinha sido o primeiro a cortar a meta em Nisa, oito minutos antes de mim, acabado por me encher de grande esperança e moral para a próxima prova, com este resultado e principalmente a minha prestação e evolução, independentemente de mais um pódio que fiz. 

Pode ser o começar finalmente a limpeza ao pulmão, pois só lá vão apenas quatro meses depois do último cigarro. Como resultado do esforço fica a minha média final de 171 pulsações, nunca ate hoje feitas por mim. (ver classificação)

O meu companheiro e "amuleto de sorte" também fez um excelente resultado com o 6º lugar, mas menos uma volta que eu, entre cerca de 40 atletas a concluírem as duas horas.

Após um lavagem de bike foi a um banho de água fria e depois fazer tempo pelo almoço onde fomos convivendo e bebendo umas minis com os amigos e companheiros de Barbacena.


O almoço só fora servido por volta das 14h, onde trocemos mais uma bonito e original trofeu..

2 comentários:

CLMS disse...

Parabéns e continua que estás lá ...seu ex.msc

Carlos Merino disse...

É verdade Carlos, ex MSC, ainda estou á espera do meu quadro partido que venha de Espanha.. ;-/.

Obg pela força amigo :-))