30 novembro 2008

3ª Maratoda Terras do Montado/Portel


Esta foi a minha última maratona de 2008 e a 3ª  edição das Terras do Montado em Portel com mais de 602 inscrições entre elas alguns nomes bastantes conhecidas do nosso BTT nacional em dois percursos de 45km (546 bbtistas) e os 90km (56 bbtistas). 
Maratona esta que é sempre inserida na feira do Montado e que tem como objectivo dar a conhecer a região.

O ano passado tinha estado presente mais o amigo e colega do Sobe Desce Team  Ricardo André ele nos 45km e eu nos 80km, onde levei um empeno brutal e daqueles que até hoje ainda não me esqueci ao terminar com 2 furos, o tempo também não ajudou com nevoeiro humido, serrado e gelado.. Por isso estavam reunidas as condições para um ajuste de contas com a Serra de Portel e não hesitei em me escrever este ano nos 90km (mais 10 que o ano passado para piorar) por vingança e para me tentar desforrar e empenar mais uma vez…

Este ano tive como comitiva Estremocense a companhia o João Garcia e o João Marques do SDT, o Pedro Guerra do XC Team o José Júlio e o Picão dos Bombeiros V. Estremoz, todos eles inscritos na maratona dos 45km.
Aquecimento..

A manha começou cedíssimo e gelada até Portel com temperaturas na volta dos 3ºgraus. 
O dia anterior deixou perspectivas de um dia de chuva, nevoeiro e muito frio, mas felizmente fomos brindados com um dia limpo e de sol embora como frio e que acabara por ser um dos motivos que me fez mudar de ideia e ficar pelos 45km, eu e a maior parte dos inscritos nos 90km... 

Mas para além do tempo, duas semanas antes já tinha por ali pedalado nos 3 cumes na maratona da Torre e que teve passagem por essa mesma serra. Nesse dia tambem já tinha um jantar  combinado nas tasquinhas. ..Só desculpas…lol

Resumo geral:

O levantamento dos dorsais: há hora que cheguei foi chegar e andar, onde no habitual saco trazia uma T-Shirt, um gel para o cabelo, um bidon, um iogurte liquido e um a bolsa para o € e telemóvel. Também no primeiro piso do pavilhão estava o pequeno-almoço com sumos, aguas, muita fruta, sandes.

Um beijo caloroso e enlameado
Partida: Há hora certinha com o briefing e um minuto de silêncio em memória de um colega de btt do Ferrobico que faleceu de morte súbita enquanto dormia.

Percurso: Totalmente diferente do ano passado com alguma dureza para 45km alguns sobe e desce constantes, piso rolante por um percurso muito diversificado e com direito a subida as antenas onde a lama, poças de agua e o frio foram uma constante. Sem nada apontar de falhas de sinalização… 

No percurso prometi a mim mesmo já que não iria fazer os 90km que iria tentar fazer os 45km a dar o meu máximo até ao fim… e o resultado foi uma media de 168 pulsações por minuto em 1:56:06 com uma media de 22.15km/h chegando na 13ºposição.

Abastecimentos: Não os utilizei, mas pelo que vi estavam bons até minis.

Duches: Sendo um dos primeiros a chegar não quis deixar de assistir há chegada dos respectivos colegas Estremocenses, onde fui ficando, ficando até que todos chegassem para depois irmos lavar as nossas meninas que mais pareciam um monte de lama e tomar duche no pavilhão, mas devido há quantidade de pessoal a chegar quase em simultâneo a água quente começou a faltar, onde fomos direccionados para as piscinas para um merecido banho de água quente.

Almoço: Há semelhança do ano passado tinha uma senha que nos dava um desconto de 10€ ou nos restaurantes no recinto da feira ou exterior. Onde no total éramos dez com a minha namorada, a senhora e os filhos do J. Marques. Apesar de estarem os restaurantes cheios lá consegui-mos arranjar os dez lugares mesmo há conta onde comemos e bebemos bastante bem num ambiente de descontracção e boa disposição como sempre. Após o almoço foi tempo de dar uma gira pela feira e caminho de Estremoz

Organização: Mais um ano, mais uma excelente maratona em todos os aspectos, a provar isso mesmo tinha o limite de 500 participantes e rapidamente se esgotou. A marca a simpatia a disponibilidade o trabalho e os percursos muito bonitos.

1 comentário:

Hernâni disse...

Sempre a ripar :)

cagaréu