27 junho 2017

9ª Maratona BTT de Montemor-o-Novo

Passados quatro anos te ter participado pela primeira vez nesta maratona de Montemor-o-Novo, este ano com uma maior disponibilidade voltei novamente a participar.
Saída de casa em direcção a Montemor dentro das 7h com o companheiro Pedro Guerra, os únicos representantes de associações locais de Estremoz.
Chega perto das 8h, onde o calor já se acentuava e se esperava com principal dificuldade.

Levantamento dos frontais de forma ordenas e sem confusões, até porque não se esperava muitos atletas, cerca de uma centena e meia entre as três distâncias. Poucos, mas dos melhores, pois alguns dos nomes fortes de este ano estavam inscritos na maratona de 80km, o que fez que outros nomes ganhadores das distancias maiores se mudassem para a meia maratona..

Saída as 9h onde percorremos atrás da viatura da GNR algumas das ruas da cidade. 
Nos primeiros quilómetros motive-me junta a frente da corrida, cerca de 8km, só que o um inicio fora percorrido entre muita entrada alcatrão e saídas repentinas de para terrenas com muitas curvas e contra curvas, onde a frente forra só aos “esticões”. Mantive a vista da frente ate cerca de 8 km de corrida, so que depois em estrada mais apertadas acabei por “escolher” duas péssimas rodas” que me fizerem atrasar e perder o contacto com a frente, tanto físico com visual.. 
Mas como ainda havia muitos quilómetros e nem a divisão tínhamos chegado tinha esperança de recuperar alguns lugares e fazer pódio no escalão..

Cerca de 15km percorridos e surgi-o a subida mais dura e inclinada do percurso, ao castelo e a descida em single onde tive sempre uma “sombra”, por sinal muito simpático e humilde, ora puxava um, oura puxava outro.

Assim nos mantivemos ate separação, cerca do quilómetro 25km onde ainda conseguimos recuperar e agarrar um atleta, só que este fora para a distância maior.
Cerca do 35km, numa zona a subir e em single, apesar da cambrias estarem começar a dar “picos” senti-me mais forte dos que os primeiros quilómetros (como tem acontecido nos últimos 10km de prova), descolei e ganhei cerca de dois minutos no final, só que já não consegui recuperar nenhum lugar, pois os cinco primeiros atletas a terminaram a minha frente chegaram praticamente todos juntos..
Mesmo assim não consegui o objectivo do top três nos escalões, terminando em 6ª geral e no 4º escalão em 01h:55m num desnível de 800..
Dei o máximo que consegui, representei a minha associação a minha cidade, não cai e fiz que mais gosto, andar de bicicleta apesar de me sentir injustiçado por os “tubarões” que vieram limpar o cu a “meninos” como eu, com medo da concorrência dos 80km..  




Em relação ao evento principalmente e ao percurso, gostei mais este ano que a minha primeira vez. Muitos singles, estradões, subidas, zonas históricas, com muita diversidade paisagística, ate passagem por uma pista de motos, todo ele muito bem marcado e assistido por muito pessoal da organização, quase que arriscava a dizer que era mais o staff do que os participantes. Pois este evento tem excelentes condições e merece mais participantes..

Sem comentários: