06 maio 2008

Portalegre Sportzone 2008


Há um ano que ando nesta andanças do BTT e já alguns que ouço falar na maratona de Portalegre, então como não podia de deixar de ser fiz a minha inscrição logo assim que abriram as inscrições, pois a quantidade de pessoal em 6 dias encerrou as inscrições... 

As expectativas eram muitas e a quantidade de Betetistas ainda mais, cerca de 3000 divididos pela maratona de 100km (102km) onde eu esta incluído com mais 1208 e a meia-maratona de 40km(57km) com mais 1716 participantes.


Estávamos mais ou menos neste ponto
A alvorada começou muito cedo cerca das 5h:30 da matina onde me fiz acompanhar de mais três elementos Sobe e Desce Team/AJES (João o Nelson e o Vítor) e mais um amigo do Nelson, o Cruz da Figueira da Foz.., que acabou com uma GRANDE CRUZ...

Por volta das 7h:30 já equipados fomos logo picar o dorsal no controle zero para tentar-mos sair do mais possível há frente.
Pela frente só ainda teríamos cerca de 500 participantes, o que foi uma grande ajuda. 

Após entrarmos controle zero já de lá não pode-mos sair com as bikes até as 9:00, horas da partida. Encostamos as bikes no chão e passar tempo de conversa e assistir há enorme multidão que se estava a formar por trás de nos...,bem como lavar a vista nalgumas gajas(bikes)... 

Antes de partir tinha três objectivos: 1ª concluir o percurso, 2ª tentar fazer menos cinco horas, 3ª e ser dos primeiros duzentos  isto sabendo o que me esperava... 
A partida lá foi há hora marcada onde percorremos cerca de 12 quilómetros , entrando no centro de Portalegre., continuando sempre a subir +/- 27km até as antenas ponto mais alto da Serra de S.Mamede com cerca de 1000 metros de altitude. 
Já muito perto da chegada, completamente exausto e sujo
Apesar de termos partido na “linha da frente” a quantidade de pessoal abrandou um bocado o ritmo pois só mesmo passando por cima do pessoal mais lento. Partir das antenas, onde antes já teria sido a divisão de percursos com o pessoal da maratona a começar acusar algum desgaste deixou de haver tanta confusão.  A descida foi feita entre muitos calhaus, dando origens a muito pessoal furado, muito pó num percurso 100% bem marcado, espectacular, altamente e muito diversificado..., com alguns singles trak espectaculares, paisagens por arvoredos mais fechados ribeiros e regados, planícies tipicamente alentejanas e as subidas a moer depois da ascensão as antenas..., onde o calor foi também um grande obstáculo, para não falar na espectacular assistência na organização principalmente nas 4 zonas de abastecimentos sempre prestáveis, prontos ajudar até a por óleo nas correntes a encher os bidons/Camell Baks e até gomos de laranja me deram na boca pois estava tinha as mão completamente sujas.... Até as meninas dos Isostar estavam presente com sua simpatia...

A prova rainha concluída
O Final foi feito por mim completamente esgotado, rôto, arrebentado mas com forças ainda para fazer as ultimas subidas em cerca de 7km até ao Jardim de Portalegre onde fora a meta, ultrapassando pessoal da meia maratona, pois os percursos juntavam-se novamente no final. Eu dou com a quantidade de pessoal tudo a pe a subir ao lado das bikes... e saber que só tinha pedalado 54 km e estavam naqueles estado de "esvecimento", o que me deu-me uma força psicológica para o resto que faltava, sempre montado na minha Scott de quase 15 kg após 97km e fazer os 102km até há meta. 
Onde só conclui um objectivo que tinha pois foi o termina a prova. As 5:00 haras passaram a ser 05h:40 os 200 primeiros a 203º....mas acabei sem quedas e problemas de maior... 

O banho de agua fria já foi cerca das 18h:00, pois combina-mos esperar todos uns pelos outros no jardim onde era a meta com massagens, mantimentos e o dito Isostar e suas meninas. 
Grande multidão de pessoal descansava da maratona e outro esperava os seu atletas, enquanto nos desesperávamos pela chegada do Cruz o amigo do Nelson a fazer quase 8h:00 horas e um empeno brutal...

O almoço rapidamente servido e nos lugares sem termos que nos levantar... 

Valeu a pena o desgaste pela excelente maratona/organização de Portalegre e o esforço dos meus companheiros...

Uma maratona a repetir e aconselhar sem duvida....

Sem comentários: