05 agosto 2013

2º Maratona do Redondo (Ruas Floridas)

Após quase um mês depois da minha última participação em provas BTT, estava mais que no tempo de voltar ao espirito mais competitivo. Ainda estive duvidas se iria participar, ou não, devido a uma semana de má vida..lol as ferias..
Para este fim-de-semana estava na agenda a 2º Maratona Ruas Floridas, evento onde seria a minha estreia. Esta prova é mesmo aqui ao lado na Vila de Redondo e que coincide com as festas das ruas enfeitadas pelo povo.

A manha começou cerca das 7:40, onde dei boleia ao companheiro J. Garcia e me juntei a mais alguns elementos SDT, no total estivemos 9 elementos presentes do outro lado da serra.

Á chega ao Redondo, já não precisamos de levantar os frontais, já que o amigo Buinho já nos tinha poupado esse precioso tempo.
Um quarto de hora antes já estava na zona de partida já com muita bicicleta á minha frente, eram esperados pouco mais de duas centenas de participantes na maioria para os 45km como sempre e onde eu iria igualmente participar.

A partida foi pontual onde seguimos muito lentamente atrás de um carro da organização e que em vez dispersar mais o pessoal acabou por o juntar/afunilar, dando origem a quedas.
Á saída do alcatrão já me tinha posicionado melhor, mas mesmo assim ainda tinha muita roda na frente para ultrapassar caso as pernas assim o quisessem.

Para limpar o pó...
Os primeiros quilómetros foram muito rolantes e de grande velocidades  onde a maior dificuldade fora a grande quantidade de pó que nos "cegava" completamente o trilho.
Ao quilómetro 10 já me encontrava junto do grupo perseguidor de dois fugitivos. Com o surgir de um single track muito porreiro e agradável numa zona mais fechada e verde seguia com o Marco Metre, Lavadelas e outro companheiro que me informaram de eu ser o primeiro dos 45km.

Mas ainda havia muitos quilómetros para pedalar e ainda faltava a parte pior que se chamava Serra D Ossa, sentindo-me muito bem fisicamente e com o apoio do grupo onde seguia, engrenei na frente e puxei um pouco por eles para que o ajudasse a chegar mais perto do dois fugitivos do início da prova. Numa zona mais limpa ainda os avistamos na nossa frente.

Cerca do quilómetro 15 começaram as dificuldades com a subida sucessiva de corta- fogos sem praticamente ponta de sombra onde comecei a ver a "minha vidinha" a pedalar para traz, pois as subidas eram de grande inclinação. Aos poucos foi perdendo o contacto fisico com os meus companheiros da frente mas avistando-se. Numa das ultima subidas, quando já terminava essa mesma cerca do quilometro 24 reparo que no inicio da mesma subida vinha um grupo perseguidor embora parecessem perto estava no inicio da subida, enquanto eu já no final, tendo margem de manobra par gerir e como ajuda foi que a partir daí até á divisão das distancias eram quase sempre a descer. Cerca de 5km, onde voltei a ganhar tempo para a frente da corrida e para traz.

Uma zona muito bonita e bem trabalhada pela organização
Calculando que daí para a frente seria mais rolante e moralizado com o primeiro lugar sabia que era só gerir até final e para mais sem nenhum adversário á vista de recuperar distancia, voltando novamente acelerar na minha praia (rolar) ate Redondo, onde ainda tive mesmo na ponta final ameaça de cambrias.
A entrada dentro da Vila foi feita ate chegar ao local da meta tive de ter atenção redobrada já que não havia nenhuns elementos da organização apenas uns fitas algo confusas e com muitas pessoas a circular na zona que estava destinada para nos com pinos..

Ao fim de 01h:41m com 43km pedalados em um acumulado de subidas que passou os 800m lá estava a chegada e com ela o meu primeiro lugar isolado.
Aguardei pela chegada do pessoal quando constatei que a organização já tinha atribuído o 1º lugar a um outro participante que por ali passou antes de mim, mas nem sequer ali permaneceu, bem como nem os elementos da organização confirmaram as picagens no frontal... Sabendo eu que nunca andou ninguém da minha distância á minha frente só poderia ter sido um elemento que desisti-o e passou pela meta involuntariamente, tendo a organização falhado em o classificar como primeiro.
Assunto resolvido fez-se a entrega de prémios, onde recebi do conhecido ciclista Bruno Pireis mais um bonito trofeu.

Mais um troféu original...
Após a chegada do pessoal SDT e antes do banho ainda fui beber duas minis com o amigo Saca que nos foi ver a chegar. Tomei duche e fomos para o local do almoço onde posemos a conversa em dia sobre o evento e bebemos umas litrosas. Para digerir fomos dar um giro pelas ruas floridas mas o calor era mais que muito e acabou por nos fazer recolher mais rapidamente. Mas nem todos pois eu esqueci-me de entregar umas compras de bens essenciais como donativo á santa casa, voltando novamente ao local do almocei e proceder á entrega, acabando por beber mais duas litrosas..


Em geral gostei muito do evento, com trilhos muito diversificados, duros, singles, estradões, um pouco de tudo.. bem marcados, e sinalizados no campo, só mesmo á chegada dentro da vila muito confusa. Muitos quilómetros sem avistar ninguém da organização/apoio/segurança um ponto a rever. Penso que são pequenos pormenores que fazem a diferença e que o pessoal organizativo facilmente os resolverá..